o que é waf
Home » Blog » Cibersegurança » Entenda o que é WAF e todos os motivos para começar a utilizar o quanto antes

Entenda o que é WAF e todos os motivos para começar a utilizar o quanto antes

postado em: Cibersegurança

Introdução

Você sabe o que é WAF? 

WAF é a sigla para Web Application Firewall, o que basicamente representa um componente de segurança valioso para os sistemas e redes da sua empresa.

Os ciberataques estão cada vez mais elaborados e hackers podem atuar em qualquer lugar do mundo e aproveitar as mínimas brechas para concluir uma invasão.

Nem as empresas gigantes estão livres disso, e não faz muito tempo, vimos multinacionais como Amazon sendo tendo seus dados roubados por meio de ciberataques bem sofisticados.

No entanto, a cibersegurança não fica atrás não, e soluções vêm surgindo para oferecer mais camadas de proteção para sua empresa, e uma delas é o WAF.

Por isso, vamos te explicar tudo sobre o que é WAF, como funciona e claro, como implementar nos sistemas e servidores da sua empresa.

Boa leitura.

O que é WAF

WAF é um sistema de cibersegurança que fica entre o seu site ou aplicação e o restante da internet, atuando como uma espécie de filtro para o tráfego de dados que ocorre na comunicação entre essas duas pontas.

Faz também um monitoramento do tráfego e eventuais bloqueios caso seja detectada uma tentativa de invasão externa.

Protege seu site e suas aplicações contra manipulações de conteúdo, SQL injection e outros tipos de fraude muito utilizadas pelos hackers na tentativa de roubar dados importantes das empresas.

Uma solução WAF é uma opção bastante eficiente para compor uma estrutura de cibersegurança completa.

O que significa WAF?

A sigla significa Web Application Firewall, e numa tradução rápida seria algo como Firewall para Aplicações WEB, ou seja, sites e aplicativos que tenham conexão com a internet.

Muitas vezes é confundida com o IPS (Intrusion Prevent System) que de fato faz algumas funções semelhantes ao WAF, porém é bem mais focado em disparar alertas de tentativa de invasão.

Ambas as soluções WAF e IPS podem e devem coexistir no seu sistema, pois redundância de cibersegurança é sempre mais eficiente, ainda mais se você tiver dados muito sensíveis armazenados em seu site ou outros sistemas.

o que é waf como funciona

Como funciona o WAF?

Recentemente fizemos um conteúdo bem completo explicando melhor o funcionamento do WAF e suas semelhanças e diferenças com outros sistemas de proteção de dados, vale a pena você conferir.

Mas em resumo, o WAF opera monitorando todo o tráfego entre seu site e a internet, podendo assim filtrar e diagnosticar automaticamente tentativas de invasão ou solicitações vindas de origem desconhecida.

Sua ação ajuda a diminuir as atribuições do time de T.I que podem focar nos ajustes da estrutura de cibersegurança para garantir que tudo funcione sem perigos.

As soluções WAF de alta eficiência também podem ser escaláveis, proporcionando que você, junto a seu time de T.I, define quais as regras a serem implementadas para eliminar possíveis vulnerabilidades que possam deixar seu sistema inseguro.

o que é waf diferença

Entenda a diferença entre WAF e Firewall

Apesar de WAF ter firewall no seu nome, o funcionamento na prática comparado a um firewall tradicional é completamente distinto, por isso o uso de cada uma delas também é bastante específico.

Primeiro, vamos abordar as diferenças no funcionamento, pois o firewall fica na rede, sendo administrado por quem gerencia, enquanto o WAF é utilizado próximo ao aplicativo para monitorar o tráfego naquele ponto da comunicação.

Então, o firewall é uma camada de segurança que fica na ponta da rede, protegendo endpoints, já a WAF vai atuar entre o site ou aplicativo e os acessos vindo de fonte externa.

As proteções também são bem diferentes, pois as ameaças que cada solução bloqueia são específicas. Um firewall pode servir para bloquear acesso a sites específicos como aqueles de NSFW (Not Safe For Work).

O WAF faz o bloqueio contra ameaças que possam vir de fora da sua rede e tentam invadir seu site, portanto, é uma ferramenta anti-hacker muito mais eficiente que um simples firewall operando na rede.

Tipos de WAF – Web Application Firewall

A utilização do WAF pode ser dividida em 3 tipos, cada uma com uma função adequada e com níveis de proteção bem diferentes entre si.

Entender como funciona cada um desses tipos de WAF é o que vai definir qual deles deverá ser implementado na sua empresa, pensando nas necessidades dos seus sistemas e aplicações.

O que é WAF de host

A primeira forma de implementação que vamos trazer é WAF de host ou WAF de hospedagem, que é a solução que pode ser aplicada ao software de uma aplicação presente no seu sistema.

É uma opção mais econômica e totalmente personalizável, por isso é bastante utilizada pela maioria das empresas, e pode funcionar muito bem como uma primeira camada de proteção.

A desvantagem é que por ser baseado em hospedagem consome muitos recursos do seu seu servidor o que pode deixar a navegação no seu site ou aplicativo um tanto mais lenta, por isso é preciso avaliar muito bem antes de escolher.

O que é WAF de rede

O WAF de rede é uma solução baseada direto no hardware, ou seja, é instalada fisicamente nos servidores da sua empresa, e isso elimina a latência e faz com que o funcionamento seja bem mais eficiente.

Por ser uma opção implementada in loco, depende de uma boa infraestrutura física na sua empresa, com profissionais de T.I para operar o sistema e também profissionais para fazer a manutenção do equipamento.

Isso claramente implica em maiores custos de implementação, porém a eficiência é muito melhor do que a do WAF em host.

o que é waf nuvem

O que é WAF cloud (de nuvem)

Por fim, temos o WAF cloud, ou em nuvem, e é um perfeito meio termo entre a opção em rede e a opção em host, pois é mais em conta e tem uma implementação mais simples que oferece uma boa camada de segurança.

A instalação de uma boa solução de WAF em nuvem é extremamente simples pois geralmente já vem pronta para uso e basta redirecionar o tráfego para ter toda a proteção que a ferramenta pode entregar.

Outra grande vantagem é que a solução de WAF em nuvem está sempre sendo atualizada, então, é uma proteção contra ameaças recentes, sem custo adicional para o usuário.

Inclusive, a Vantix tem soluções de proteção em nuvem completas e prontinhas para serem implementadas na sua empresa, confira.

o que é waf bloqueio

O que é WAF com lista de bloqueios X WAF com lista de permissões

As principais ferramentas de WAF operam de duas maneiras, com lista de bloqueio também chamado de modo de segurança negativo e com lista e permissões que é o modo de segurança positivo.

No modo com lista de bloqueios, o WAF atua impedindo que certas solicitações de certos usuários passem pelo sistema de firewall. Ou seja, é como um porteiro que barra a entrada de alguém suspeito.

Por outro lado, o modelo com lista de permissão só deixa passar os usuários que estão pré-aprovados, ou seja, é um porteiro que só deixa moradores cadastrados entrar no prédio.

Há também ferramentas que utilizam modelos híbridos, e assim os usuários permitidos têm acesso mais ágil que os demais, e os suspeitos ainda serão bloqueados.

O modelo a ser implementado na sua empresa vai depender das diretrizes internas e do nível de segurança que você precisa precisar dentro da sua operação, pois cada tipo vai entregar um desempenho diferente.

Vai depender também da quantidade de colaboradores que você tem que precisam de acesso ao site e as aplicações, por isso busque uma solução que possa ser facilmente adaptada a sua realidade.

Agora que você já sabe o que é WAF, saiba por que usar

Segurança nunca é demais na nossa vida, mas na internet é ainda mais importante, pois os ataques hackers funcionam de forma automática e ininterrupta, então a mínima brecha pode ser suficiente para derrubar todo um sistema.

Então, implementar uma solução WAF eficiente, é fundamental para que você tenha uma cibersegurança 360º que crie camadas de bloqueio e redundâncias de segurança para mitigar ao máximo as ameaças.

Além disso, as outras vantagens de instalar uma ferramenta WAF são:

Segurança contra pessoas mal intencionadas  

Mesmo dentre os colaboradores de uma empresa, pode haver aqueles com intenções em desacordo com as diretrizes da companhia, e esses usuários podem acessar sites e aplicações prejudiciais.

A melhor relação é a de confiança, de fato, mas os dados da sua empresa são preciosos demais para você contar unicamente com o bom senso da sua equipe, por isso é importante ter protocolos de segurança.

Por isso que WAFs com lista de bloqueio ou de permissão, são uma solução eficiente para evitar que usuários mal intencionados ou apenas descuidados acessem sites impróprios ou infectados.

Proteção contra erros críticos de segurança

Erros também acontecem, com ou sem má intenção, por isso que soluções de cibersegurança nunca são demais mesmo que redundantes.

Por exemplo, um dos protocolos de segurança para sites é o SSL que é implementado no host, porém, ele pode expirar em dado momento, e se por algum motivo você demorar para perceber, seu site ficará exposto a vários riscos.

Portanto, uma solução WAF poderá fazer a renovação automática do SSL e mesmo se ficar fora, poderá fazer a filtragem e bloqueio de acessos maliciosos.

Isso é só um dos exemplos de erros que podem acontecer, por isso tem que ter uma solução que protege você contra o máximo de ameaças possíveis.

Economia de recursos antes gastos desnecessariamente

Soluções de WAF que utilizam inteligência artificial podem ajustar a utilização de recursos do servidor da maneira adequada para que seu sistema não fique trabalhando de forma inútil.

Também economiza a mão de obra, pois várias operações que antes seriam feitas pelo seu time de T.I poderão ser automatizadas por uma ferramenta WAF, liberando assim o tempo da sua equipe para trabalhar em outras atribuições importantes para a empresa.

Garante que só o tráfego indesejado seja bloqueado

Tanto de fonte interna quanto externa, o tráfego pode ser bloqueado pelo WAF, de maneira totalmente automática, então não é preciso que o T.I analise toda e qualquer solicitação.

Acesso a sites de conteúdo adulto, redes sociais e afins, tudo isso pode entrar na lista de bloqueios que falamos e você ainda pode receber alertas quando alguém estiver tentando acessar sites impróprios.

Já o uso da lista de permissão, pode criar um ambiente seguro, mas ao mesmo tempo pode limitar algumas funções que setores específicos podem precisar, por isso a recomendação é utilizar uma solução híbrida.

o que é waf na lgpd

Bônus: o que é WAF no contexto da LGPD?

A LGPD é a Lei Geral de Proteção de Dados, e foi implementada no Brasil após uma lei semelhante ter sido aprovada na Europa e Estados Unidos, devido a vários vazamentos de dados que impactaram, inclusive o escândalo da Cambridge Analytica e sua influência negativa nas eleições norte-americanas.

Temos um conteúdo completo sobre o assunto também, mas o que é relevante para o artigo deste artigo é que a LGPD protege os dados de terceiros que acessem o seu site, ou seja, seus clientes.

Portanto, quando você implementa uma solução de WAF no site da sua empresa, você terá todo controle do tráfego e monitoramentos dos acessos externos, além da proteção contra invasão, e dessa forma, faz uma gestão de privacidade totalmente em acordo com os temos da LGPD.

Precisa de ajuda com gestão de privacidade e adequação à LGPD? Conheça SECURITI, a solução Vantix que vai simplificar as coisas para você. Confira!

Conclusão

Enfim você já sabe o que é WAF, sua importância e principalmente como implementar para garantir a proteção dos seus aplicativos e sites, agora o próximo passo é escolher uma ferramenta que consiga entregar todas as soluções que sua empresa precisa.

O Securiti da Vantix é uma das soluções que segue a nossa filosofia de segurança 360º para proteger todos os pontos de acesso dos seus sistemas, garantindo que os seus dados estejam sempre seguros. Saiba mais sobre nossas soluções em cibersegurança.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.