Brasileiros são principais alvos de ataques de phishing no mundo
Home » Blog » Cibersegurança » Brasileiros são principais alvos de ataques de phishing no mundo

Brasileiros são principais alvos de ataques de phishing no mundo

postado em: Cibersegurança

Um em cada cinco brasileiros sofreu pelo menos uma tentativa de ataque de phishing em 2020. A estatística, revelada por novo relatório, coloca o Brasil como líder mundial em golpes dessa categoria, à frente de Portugal, França, Tunísia e Guiana Francesa, que completam a lista dos cinco países com maior índice de usuários alvos de roubo de dados ao longo do ano.

Com o início da pandemia, os ataques de phishing se intensificaram no País. Somente de fevereiro a março – quando começaram as primeiras medidas locais de isolamento –, o número de ameaças contra dispositivos móveis cresceu mais de 120%. Algumas razões estimularam a maior ação dos hackers: o aumento do uso da internet, do acesso aos serviços de internet e mobile banking, aumento das compras online, a adoção em larga escala do trabalho remoto e a ansiedade por informações sobre a pandemia.

Em 2020, muitos dos ataques de phishing abusaram da temática da Covid-19 para roubo de informações como: dados pessoais, credenciais de contas online e, principalmente, senhas bancárias. As manobras usadas pelos cibercriminosos foram desde ofertas de máscaras e álcool gel, a falsas inscrições para programas auxílios sociais, o cadastro do PIX e, mais recentemente, páginas fraudulentas de cadastro para a vacina.

Cuidados contra o phishing

  • Antes de clicar em um link, verifique o endereço do site para onde será direcionado e assegure que seja genuíno. Observe também se o nome do link na mensagem não aponta para outro hyperlink. Em caso de mensagens por e-mail, verifique se o remetente é legítimo.
  • Não clique em links contidos em e-mails, SMS, mensagens instantâneas ou postagens em mídias sociais vindos de pessoas ou organizações desconhecidas, com endereços suspeitos ou estranhos.
  • Se não tiver certeza de que o site da empresa é real e seguro, não insira informações pessoais.
  • Analise cuidadosamente o endereço da página antes de completar um cadastro que solicita dados confidenciais. Se o link consiste em um conjunto de caracteres sem sentido ou a URL conter erros ortográficos, não envie suas informações ou efetue pagamentos.
  • Tenha uma solução de segurança comprovada com tecnologias antiphishing baseadas em comportamento.

Fonte: Kaspersky

SAIBA COMO SE PROTEGER

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.